Como Usar

Acerte na escolha no relógio!

Mesmo com celulares e outros gadgets que nos permitem saber as horas, os relógios ainda fazem bonito no punho da maioria das pessoas. A leitora Almira quer saber como escolher o modelo certo e como combiná-lo com os outros acessórios.

O lado esquerdo é tradicionalmente o lado do relógio, por isso, reserve o direito para as pulseiras. Não é uma questão de etiqueta, mas de praticidade; relógios têm que estar bem visíveis e sem nada por cima atrapalhando a visão.

Opinião chic: procure combinar a cor do metal do seu com o restante da produção. Se os seus brincos, pulseiras e ferragens de bolsa puxarem para o dourado, escolha um acessório da mesma tonalidade. O mesmo vale para o prateado. (Homens: o mesmo raciocínio vale para os botões de metal do blazer e para a fivela dos sapatos ou do cinto).

Mais uma opinião chic: relógios não são adequados para festas que pedem “traje a rigor”, mas podem ser usados em todos os outros, inclusive no “traje social completo”. Os mais apropriados para este último caso são aqueles que fazem as vezes de joias, como os de ouro ou platina, pedraria ou brilhantes, normalmente menores e mais delicados.

Os utilitários, frequentemente de metal e couro, ou então de aço, são ideais para o dia a dia. Se você gosta de um estilo mais ousado, abuse dos modelos fantasia, mais coloridos, com tiras e fundos contrastantes.

Não há necessidade de ter um para cada situação, mas se puder, invista em dois modelos: um para eventos mais formais e outro para o dia a dia.

Enviar por E-mail

Notícias Relacionadas

Deixe seu comentário

Enviar por E-mail