Como Usar

Amal Alamuddin mostra bons exemplos para o guarda-roupa de trabalho e Gloria Kalil comenta suas escolhas

Depois de armar mais de três festas de casamento em setembro e virar o centro das atenções do mundo por ter fisgado George Clooney, Amal Alamuddin já está de volta ao trabalho. A advogada esteve na Grécia, em outubro, para uma série de compromissos e comprovou seu bom gosto na hora de criar combinações para o trabalho.

"Em geral ela acerta em cheio. Ela puxa para uma coisa formal, mas sempre com uma quebrada em algum detalhe de cor ou estampa. Ela não faz a linha menininha e sim mulherão. É uma mulher jovem, mas que não combina com elementos muito delicados, como rosa, lacinhos ou vestidos curtos", observa Gloria Kalil.

+ AMAL ALAMUDDIN É A NOVA JACKIE O?

Veja alguns dos exemplos de produções de escritório de Amal comentadas por Gloria e inspire-se:



Sempre apostando em cores neutras, Amal dá um ar mais charmoso aos seus look com detalhes sutis. "Por mais discretas que sejam, as peças sempre ganham um acompanhante para quebrar a seriedade. O primeiro é o infalível preto e branco. O segundo está no limite do comprimento para o escritório e com acessórios neutros porque o vestido já tem suas graças e seus enfeites. No último, ela quebra com a bolsa colorida e o lenço pendurado para dar um up no discretíssimo branco e preto".



"Perfeito para o escritório, não tem como errar. Paletó branco com camiseta preta, bolsa preta e sapato marrom. Note que ela não combinou o sapato e a bolsa, o que já dá um pouco de charme. O segundo está ótimo, é um vestido com um paletozinho, uma bolsa de ótima qualidade, mas neutra, e uma gracinha de cor para dar uma quebrada na formalidade - porque ficaria um pouco sem graça sem a estampa do sapato. O último é o mais neutro possível, que ela deu uma clareada com o colar verde".



"Ela tem bastante roupa de trabalho e o preto e branco acaba sendo frequente por não ter erro. No meio, como o modelo já tem linha cruzada e um verde no top por baixo, ela usou todo o resto em cores bem neutras. O último é o único que se destaca como erro, é curto demais para o escritório. O vestido, ok, o sapato e bolsa, também, ambos são ótimos. O comprimento é que poderia ter mais cinco centímetros na barra do vestido"

+ DA BIRKENSTOCK À SAIA TROMPETE, GLORIA KALIL INDICA COMO USAR 8 TENDÊNCIAS DE VERÃO NO TRABALHO

(TEXTO: HIGOR DORTA)
 

Enviar por E-mail

Notícias Relacionadas