Como Usar

Gloria Kalil ensina como usar o mix de estampas, aposta das coleções de resort 2015 e hit entre as celebridades

Listras, poás, étnicos, florais, grafismos, xadrezes, quadriculados... Com a baixa do minimalismo de cor e as infinitas possibilidades da estamparia digital, o crash de estampas e padronagens ganhou mais força e naturalidade nas últimas estações. As coleções de resort 2015, o pré-verão do hemisfério norte, mostraram mil opções para adotar a combinação de diferentes desenhos - e as celebridades confirmam o gosto pela ideia, na rua ou no tapete vermelho.

Analisando as propostas das coleções e os últimos looks das famosas, Gloria Kalil ensina como usar o mix de estampas. "Há misturas que dão certíssimo. É uma maneira nova de usar estampas e uma manifestação de personalidade que mostra o gosto pessoal. Tem uma contribuição grande da pessoa que esta usando. É uma ousadia que pode parecer mais ou menos harmoniosa, dependendo do gosto da pessoa".
 

"Para quem quer começar a usar, a mistura entre os clássicos sempre facilita. O xadrez, poá, listras e floral são algumas que entram na categoria dos clássicos que não tem erro. Tente mesclar uma mesma cor entre as estampas, como o preto e branco. Se não quiser errar nunca, traga sempre o P&B para as composições".

"Você pode mudar uma porção de vezes um look, tem uma série de vantagens. Na foto 1 e 2, a mesma saia foi usada com duas diferentes propostas de misturas. No dia a dia, Olivia Palermo escolheu um desenho menor para combinar com o floral da saia e no red carpet, um floral mais espaçado e de cores fortes formando uma ideia mais ousada. O terceiro é a junção de todos os clássicos: xadrez, listras e poá que aparecem em p&b. Quando se usa duas cores, já entra em um visual mais fácil de ser absorvido".

"As mais ousadas, como Solange Knowles, precisam estar preparadas: é difícil passar despercebida e não chamar atenção. Não tem critério para dizer se está certo ou errado, as escolhas demonstram a personalidade e o gosto de quem usa".

"As estampas figurativas e muito pequenas são as mais convencionais e que beiram o sem graça, além de infantilizar o look. Tente um elemento a mais de cor ou estampas maiores, que diminuem o risco de formar combinações tímidas".

"Algumas são inesperadas e trazem a mistura de elementos completamente diferentes. Aqui a novidade é o tamanho das listras e as cores diferentes de uma mesma padronagem. É uma questão de gosto, tem pessoas que podem achar um acerto e outras um erro".
(Na foto, Olivia Wilde com dois looks do resort 2015 de Stella McCartney)

Entre as coleções, Alexander Wang, Fendi, Kenzo e Proenza Schouler provam que o preto e branco são os melhores aliados na hora de formar o crash. "Eles estão misturando o P&B, que dá uma força a mais e funciona tanto nas estampas pequenas como nas maxigráficas".

Algumas investiram na mistura de três ou mais estampas. "Os coloridos funcionam, mas note que o preto e branco sempre se faz presente, quebrando o exagero e deixando o look mais harmônico".

O animal print também foi misturado nas coleções de Peter Pilotto, Emanuel Ungaro e Christopher Kane, com variações de tamanhos e cores. "Eles misturaram as onças e zebras de um jeito colorido, que funciona".

Outras abusaram do conceito e liberaram as misturas mais impensáveis, como Stella McCartney, Louis Vuitton e Kenzo. "O exagero é marcado em estampas e cores que nem sempre combinam, mas podem ficar harmônicas. É uma questão de gosto e para quem não tem medo de chamar atenção".

+ INICIANTE OU AVANÇADO? SIGA O PASSO A PASSO PARA MISTURAR ESTAMPAS NO MESMO LOOK
 

 

Enviar por E-mail

Notícias Relacionadas