Como Usar

Guia da saia: Gloria Kalil ensina como usar a mini, mídi e longa e qual o caminho certeiro para aderir a cada uma

No grupo de peças essenciais do guarda-roupa de qualquer mulher, as saias nunca deixam de se fazer presentes. Todo mundo tem pelo menos um modelo no armário e a prova disso é a enxurrada de dúvidas que recebemos de nossas leitoras sobre como usar cada modelo.

+ GLORIA KALIL MOSTRA COMO ADAPTAR SUAS PEÇAS DE VERÃO TAMBÉM NO INVERNO

Resolvemos reunir três das mais buscadas e, com a ajuda de Gloria, te mostramos como usar cada uma delas. "Você vai encontrar muitas saias nas vitrines do verão, que vão continuar no inverno. Os comprimentos são todos, mais importante é que ela fique bem em você e adequada. Escolha se combina ou não com seu estilo. Aqui estão três possibilidades mais fashion:"

MINI

A mini é a saia jovem por excelência. "A mini continua, mas não tem nenhum jeito novo de usar. Ela está na moda desde os anos 1960, às vezes fica pouquinho, às vezes tem algumas colegas (como a mídi) e às vezes vem sozinha ou pula uma estação, mas ela nunca deixou de aparecer em nossas vidas".

+ GLORIA KALIL INDICA OS MELHORES JEITOS DE USAR A SAIA JEANS

Entrando na onda de outra moda, do chamois, as com aspecto camurça andam circulando bastante - e já estão pelas vitrines. Seus acompanhantes são diversos e vai bem com tudo: da regatinha leve a um suéter. O mesmo vale para os calçados. "Pode ser usada de qualquer jeito, ela vai bem com tudo. É a saia que caracteriza a moda jovem".

O que é importante ressaltar é que ela fica fora dos ambientes formais. "Elas não são bem vindas no escritório. Aliás, as três que estamos citando são mais fashion. A proporção para empresas continua por volta do joelho".

MÍDI

As saias mídi são um sucesso e o comprimento da vez, mas seu uso pode ficar um passo de um look envelhecido. "É uma saia que está super na moda, também para o inverno que vem ela continua, foi o comprimento mais visto no Minas Trend. O perigo dela é que ela pode envelhecer tem maneiras de usar que fica envelhece".

+ GLORIA KALIL ENSINA OS 10 MANDAMENTOS DA SAIA LÁPIS

Nos três casos acima, a salvação foi o sapato. "Essas foram salvas pelas sandálias e tênis. Se não fossem os calçados, elas pareceriam mais velha - como a do meio, que remete ao uniforme de aeromoça dos anos 1950 mas ganhou um ar novo com o tênis esportivo".

Então para conseguir o ar jovial e moderno, aposte em calçados fora do convencional. "A saia não sendo justa já dá um pouco de movimento e melhora um pouco. O recurso que elas todas estão usando para fugir da cara mais velha, são os sapatos diferentes".

Aqui exemplos que comprovam a teoria do look 'senhorinha'. "A saia usada com camisa fechada e escarpin é a maneira menos acertiva. A saia mídi se não for muito bem usada corre sério risco de envelhecer seu look. Experimente peças mais leves como cropped, uma camisa masculina e sempre opte por sapatos decorados e não óbvios".

LONGA

Com clima anos 1970, a saia longa se tornou um must have na moda atual. "Ela foi incorporada ao guarda-roupa do dia a dia, para ser usada de dia, não é mais a saia longa do vestido de baile. Ela não tem mais nenhuma conexão com vestidos de festa black tie e virou uma possibilidade de uso esportivo - porém é uma saia fashion, portanto não é adequada para o escritório".

Quem mais nos envia dúvidas sobre as saias longas são as baixinhas e Gloria acaba com o mito de que elas não podem. "Por exemplo, uma baixinha, se usar uma saia mais curta na frente, com sandálinha baixa e um look monocromático, fica bem. O problema da saia comprida é muito mais um problema de quadril do que de altura. Não é a que mais favorece os quadris largos".

+ PARA AS BAIXINHAS, GLORIA KALIL MOSTRA 18 MANEIRAS DE ALONGAR A SILHUETA

"Agora se é baixinha, tanto pode usar com sapato baixo como com sandálias e tamancos altos, mas faça esse movimentinho na barra que dá uma leveza e ajuda".

Para acompanhar também vale tudo: camisetas de algodão, suéteres, top cropped. O importante é lembrar que é uma peça casual. "Você pode ir no clube com ela, mas não vá no escritório porque ela é um depoimento mais fashion.".

+ GLORIA KALIL COMENTA QUAL TIPO DE QUADRIL SE DÁ MELHOR COM A SAIA TROMPETE

Apesar de já dito, vale ressaltar que os três modelos ficam no esportivo. "Nenhuma dessas três é especialmente bem vinda em escritório. A saia do escritório continua sendo no joelho".

(TEXTO: HIGOR DORTA)

Enviar por E-mail

Notícias Relacionadas

Deixe seu comentário

Enviar por E-mail