Moda

Cia. Marítima . verão 2009

Os anos 1970 - de novo eles - baixaram na Cia. Marítima. A estrela foi o tie-dye, que coloriu em várias versões biquínis, maiôs e saídas-de-praia. Uma das melhores era pink e amarelo, menos envelhecedor do que os marrons e lilases daquela época e desta coleção.

Mix de florais, também setentistas, estamparam peças sem deixar ninguém com cara de criança. Onça e cobra, meio disfarçadas, apareceram para cumprir tabela (a cliente deve gostar bastante), mas em versões renovadas. A primeira, acesa por verde flúor; a segunda, meio desconstruída.

As formas e os materiais são variados. Tem o maiô com recortes que revelam inusitadamente a pele, tops com tiras que se enroscam pelo corpo, fivelas (lindas as tipo tartaruga) que enfeitam alças, laterais de calcinhas mais largas ou com nós de pontas longas... Mas a cava é sempre a mesma: aquela que afunila sem deixar nada vulgar.

Quanto às saídas-de-praia: são um evento! O saião de láicra chega antes de sua dona; a blusa de mangas longas bufantes surpreendem; os vestidos longos fazem efeito e os tricôs à la Missoni são lindos (inclusive no maiô). Só faltaram mesmo as dunas da Gal.
 

Enviar por E-mail

Notícias Relacionadas

Deixe seu comentário

Enviar por E-mail