Moda

Gloria Kalil, Lilian Pacce e Gilda Midani falam sobre identidade e caminhos para a moda brasileira

Gloria Kalil, Lilian Pacce e Gilda Midani participaram do debate A moda também fala de nós: as digitais do estilo, na Bienal do Livro, no último sábado (21.08), em São Paulo. A mediação da mesa ficou por conta da jornalista Camila Yahn.

O assunto rendeu e se dividiu em aula de história da moda, reflexões sobre blogs, estilo masculino...  Veja abaixo um resumo dos principais pontos abordados pelas palestrantes.

Gloria Kalil
“A moda brasileira é muito jovem, está começando a dar os seus primeiros passos. Mas é corajosa, atrevida e tem seu próprio DNA: é despretensiosa, casual, imaginativa, colorida, tem sex appeal e leva em conta o corpo de quem usa; o mundo da moda está atrás de um vento novo e nós podemos oferecer isso, o life style brasileiro atrai”.

Lilian Pacce
“O mercado da moda passou por uma mudança radical nesses últimos 25 anos, algo que sofria um preconceito enorme passou a ser visto com valor, a moda adquiriu muito poder sobre a vida das pessoas, agora é uma pauta recorrente no dia a dia do jornalismo”. Para ela, o diferencial brasileiro está na Amazônia e na sustentabilidade. “Temos tingimentos naturais e materiais para fibras têxtil no quintal de casa, é possível criar uma marca de novo luxo com a sustentabilidade. Quem não levar em conta vai ficar para trás”.

Gilda Midani
A estilista também acredita que a sustentabilidade/consciência é o caminho certo, mas defende que a ideia de “sustentabilidade não está restrita a matéria-prima - está presente em todo o processo de produção”. 

Enviar por E-mail

Deixe seu comentário

Enviar por E-mail