Moda

História GG: saiba como Mayara Russi se tornou uma das modelos plus size mais requisitadas do Brasil

Entre as cinco modelos mais requisitadas do mercado plus size do Brasil e garota-propaganda de uma das principais marcas do setor, a Kauê, Mayara Russi levou um bom tempo para aceitar suas curvas extras – e ainda mais para ganhar dinheiro com elas!

Há seis anos trabalhando no segmento, ela conta ter ficado indignada quando foi abordada por um olheiro pela primeira vez. “Eu era novinha, tinha 15 anos e achei um absurdo aquela situação. Achava impossível alguém daquele tamanho ser modelo. Parecia que ele estava me ridicularizando”, lembra.

Mas o pé atrás durou pouco. Vinte dias depois, ela foi novamente abordada por um olheiro e, dessa vez, resolveu dar uma chance à novidade. Mesmo se sentindo desconfortável com o excesso de peso, Mayara foi aos poucos entrando no mercado plus size. “Não queria aquilo, queria emagrecer”, conta. Tanto queria que, aos 17 anos, decidiu tomar moderador de apetite e praticamente se mudou para a academia. “Ficava malhando das 18h às 23h. Parecia uma louca”.

Mas a escolha radical não deu certo. Apesar de ter emagrecido 26 quilos e chegado ao manequim 42 por um tempo, ela logo engravidou - mas não, não foi por isso que ela voltou a engordar. “Só aumentei 12 quilos na gravidez e logo depois do parto perdi 15. Mas, em seguida, tive que operar um câncer recém-descoberto na tireoide, tomar hormônios, corticoide e fazer iodoterapia”, explica sobre o que elevou novamente seu peso.

Atualmente, aos 21 anos, vestindo manequim 50, feliz com sua escolha profissional, Mayara pretende pegar carona no efeito Fluvia Lacerda, a modelo GG brasileira mais requisitada no exterior. “Antes, preciso emagrecer. Para realmente emplacar no mercado plus size, você precisa vestir 44/46, não mais do que isso”.

E, desta vez, nada de remédio para ajudar na empreitada. “Tenho evitado alimentos que engordam durante a semana; nos fins de semana, dou uma liberada. Também vou começar a fazer exercícios físicos”, conta Mayara, que já perdeu quatro quilos com regime + drenagem linfática desde o Fashion Weekend Plus Size, há menos de um mês.

“Além de ter que se manter impecável sempre, com pele hidratada, unhas feitas, depilação em dia, a modelo plus size tem que se manter no mesmo peso e entrar na carreira de cabeça, porque o caminho não é fácil”, diz a modelo de 97 quilos e 1,70 m. 

Enviar por E-mail

Notícias Relacionadas

Deixe seu comentário

Enviar por E-mail