Moda

Patogê . verão 2012

As marcas de jeans estão com o pensamento fixo na liberdade hippie e surfista dos anos 1960 e 1970 neste Minas Trend Preview de verão. Foi assim com a Cavalera e a DTA, e a Patogê seguiu o rumo, mas com uma pegada tropicalista. E ao contrário das outras duas, teve um resultado mais feliz na passarela.

Não que a marca mineira tenha revolucionado a feitura do denim com novas técnicas e afins. Mas saiu do lugar comum e mostrou peças básicas com mais charme do que suas concorrentes.

Os shorts jeans, já tão batidos, aqui são largos e confortáveis. Os macacões, também grandões, ganham decotes estratégicos. As calças ficam entre o leve saruel, com bolsos traseiros oversized, e as skinny - o "novo cropped", para a Patogê, sobe acima da batata da perna, graças às barras dobradas. Alguns mais detonados, com brancos e jeans color esmaecido (o rosado, se depender dos desfiles mineiros, já virou uniforme do verão para os rapazes).

Para completar as araras, a jeanseria aposta na cara artesanal do dye em azul mais tricôs de pontos largos com cara de feitos à mão, maxibatas de rendas e estamparia com floral abstrato. Aqui e ali, bordados e paetês seguram os brilhos. Tudo básico, bem feito e usável.

 

Pontos de venda no Brasil: 780
Lojas Próprias: 01
Franquias: não tem
Multimarcas: 779
No exterior: EUA, Bolivia
E-commerce: não tem
Site: www.patoge.com.br
Fonte: assessoria de imprensa da marca
 

Enviar por E-mail

Notícias Relacionadas

Deixe seu comentário

Enviar por E-mail