Moda

UMA . inverno 2014

Com a São Paulo Companhia de Dança na passarela, Raquel Davidowicz dá as mãos a Rick Owens na hora de substituir as modelos por gente que tem uma noção mais elástica de corpo. Mas se no mundo do estilista americano a onda era pelo peso e pela força política das dançarinas negras e furiosas, nas mãos da UMA de Raquel a vontade fica mais pela poesia mundo da roupa mesmo.

Íntima do mundo do tablado (já assinou figurino para o grupo em 2008), a estilista resolveu basear seu inverno na roupa que os integrantes da companhia usam para seus ensaios e experimentações. E ajustou tudo a uma estética de rua - menos street style e mais a brutal delicadeza de quem mora nelas.

Em tempos de black block (estes mais para Rick do que para Raquel) tomando as calçadas, ela se jogou em malhas cinzas, couros molengas que abrem espaço para o movimento, veludo molhado, pulls de tricô puídos e rasgados.

Para quem gosta da estética da marca, é um prato cheio de vestidos assimétricos, saias cortadas em viés, sobreposições de comprimento e poucas cores (apenas um azul pontua um mundo que, ainda bem, percebeu que há o cinza entre o preto e branco). Para quem já não gosta, é uma temporada sem concessões em que não há rebolado que conquiste.

Lojas Próprias: 3
Franquias: 0
Multimarcas: 0
No exterior: Japão
E-commerce: Farfetch
Site: www.uma.com.br
Fonte: assessoria de imprensa da marca
 

Enviar por E-mail

Notícias Relacionadas