Novela

Com inspiração em Gisele Bündchen e Carine Roitfeld, figurinista detalha as roupas de Verdades Secretas

Desde sua estreia em 8 de junho, a novela Verdades Secretas tem feito sucesso no horário das 21h. O universo da moda nunca foi tão controverso quanto na trama de Walcyr Carrasco, que explora verdades não tão verídicas inpiradas em personagens que já conhecemos. Mas além do polêmico book rosa e da estreante Camila Queiroz, a produção conta com outro atrativo: o figurino.

Pensado pela figurinista Ellen Milet, as peças desfiladas em cena já alcançam o topo da lista de mais pedidos da Globo. Em entrevista ao Chic, Ellen contou detalhadamente o processo criativo para desenvolver o visual das personagens e suas inspirações reais de figuras icônicas do meio.

Foi preciso uma extensa pesquisa para reunir diversas referências na hora de formar o figurino. "Foi longo e usei várias referências. A consultoria com o Dudu [Bertholini] me ajudou bastante com informações e contatos de muitas coisas que eu não conhecia no cenário de São Paulo"

Entre as inspirações mundiais, grandes fotógrafos estão na lista. "Consultei muita coisa de Peter Lindbergh e Helmut Newton, que tem essa coisa sensual em P&B". Entre ícones e grifes, ela relembra alguns nomes. "Chanel, Diana Vreeland e todos os ícones clássicos. É uma coisa da cultura do rico, misto de dinheiro e poder".

ANGEL

Para construir a imagem da protagonista, Ellen diz que a primeira fase - de quando Angel chega a São Paulo para ser modelo - teve como inspiração Gisele Bündchen no início de carreira. "Eu ainda não sabia direito como ela seria e vi uma foto da Gisele sentada no meio fio vestindo jeans, colete e coturno. Logo pensei: 'é a Angel'. Deixo essa foto na minha mesa até hoje".


A foto de Gisele que serviu como inspiração para a construção de Angel

Depois de ser tornar modelo, Angel ganha guarda-roupa novo e o cuidado foi para que a mudança fosse sutil. "Foi difícil porque nas novelas você toma um banho de loja e já o suficiente para aparecer maravilhosa e de salto. A primeira coisa é não jogar nada fora, mesmo as mais pobrinhas. Banho de loja é informação para combinar as duas coisas e manter quem ela é, ela não perdeu a essência".

FANNY


Marieta Severo como Fanny e a editora de moda Carine Roitfeld

Já a dona da agência de modelos - e cafetina de luxo - vivida por Marieta Severo ganhou inspiração de Carine Roitfield. "Ela foi importante na construção da Fanny porque ela é o símbolo do porn chic e colocou isso na moda. Eu sabia que não poderia fazer o mesmo look por questões de texto e ela não poderia ser tão sofisticada, mas deu certo".

ALEX E VISKY

Na ala masculina, direções totalmente opostas representam os homens: o galã de Rodrigo Lombardi e o divertido Rainer Cadete. "O Lombardi é todo o homem italiano, que acredita e faz o homem bonito e elegante. Ele só usa grifes italianas como Zegna. Nunca tinha feito um homem rico e me baseei nos clássicos filmes italianos"

Já o booker Visky tenta reunir todas as faces dos gays. "Eu não queria fazer uma coisa caricata porque todos os gays são diferentes. Tenho amigos como o Visky e outros que se vestem completamente o oposto dele. No começo achávamos que seria demais, em outros que seria pouco até chegar em alguém que conhecemos, que é possível e não caricato".

LARISSA

O figurino de Grazi Massafera em cena foi pensado minuciosamente para ser descontruído quando a personagem se afunda nas drogas. "Ela tem um estilo boho, meio hippie. Pensei em começar com ela bem montada para poder ir tirando aos poucos. Esse visual cheio de acessórios, colete, franja, boca de sino, é muita informação - que foi sumindo devagar".

OS MAIS PEDIDOS

Entre os sucessos de público estão dois modelos usados por Angel - um deles, o vestido branco assinado por Marcelo Quadros, usado pela personagem em seu primeiro encontro com Alex. "Fizemos um editorial para o caderno Ela antes da novela começar. Me pediram para usar roupas que não tivessem nada a ver com a personagem, mas quando vi nela achei lindo. Pensei na cena e falei: vamos usar".


Camila Queiroz em editorial do caderno Ela


Em cena com o vestido de Marcelo Quadros

Outro modelo de destaque foi o brilhante da Mares usado por Angel para seu book e em seguida na festa da rival Giovanna. "O marrom e preto era na verdade um longo que eu cortei bem curtinho e fiz um decote nas costas. É uma coisa que gosto de fazer, mexer nas roupas que chegam para mim".

E falando em Giovanna, o brinco pendente da personagem é outro sucesso na central da Globo. "Sempre peço para as pessoas me trazerem coisas de onde estiverem e tinha uma amiga em Berlim. Ela me trouxe uma mala cheia de acessórios de camelôs e brechós de lá e eu acabei ficando só com esse brinco. Achei legal, foi um modelo que usei muito nos anos 1980".

Enviar por E-mail

Deixe seu comentário

Enviar por E-mail

5 passos para copiar o cabelo de Agatha Moreira, a Giovanna da novela Verdades Secretas, por Marcos Proença

Na lista mensal divulgada pela Globo dos mais pedidos pelos telespectadores, há uma nova campeã entre os cortes de cabelo desejados. Quem lidera o ranking de junho é o longo volumoso de Agatha Moreira, a desinibida Giovanna, de Verdades Secretas - bem à frente da personagem principal de Camila Queiroz.

Como o que é bom (e pop) sempre serve de inspiração, o expert Marcos Proença compartilha com o Chic cinco passos para conquistar o volume do cabelo da personagem.

1. TEXTURA

O primeiro passo é criar textura."Quando quiser mais volume, lave o cabelo somente com xampu, pouquíssimo condicionador nas pontas (se precisar) e enxágue bem. Então aplique um produto para texturizar, que pode ser uma mousse ou um spray volumizador", explica Proença.

2. SECAGEM

Depois de criar a textura, é hora de secar o cabelo. "Com a cabeça para baixo, seque os fios para cima sem alisar muito, somente modelando as pontas."

3. MODELANDO

Com o cabelo ainda quente, faça rolos grandes com bobes grampos ou, truque do Pro, com toalha de papel. "Enrole a mecha envolta de um rolinho de papel e prenda com um grampo", ensina. O mais legal: "Por ser papel, ele não amassa o cabelo e quando é solto fica com um volume incrível."

4. MAIS VOLUME

Aposte no produto queridinho do hair stylist para dar volume, o xampu a seco. "Ele dá uma textura mágica ao cabelo e estou apaixonado por ele."

5. O GRAN FINALE

"O cabelo de lado é uma arma de sedução. É um clássico da história desde Jerry Hall." Para copiar o penteado, seque o cabelo direcionando para o lado contrário do que gostaria de usar. Depois que o cabelo esfriar, ou antes de sair de casa, jogue os fios para o outro lado. "É um recurso para conseguir volume na hora que precisar."


 

Enviar por E-mail

Deixe seu comentário

Enviar por E-mail

Relembre o universo da moda retratado nas novelas

O burburinho dos backstages, corre-corre das modelos e desfiles pomposos ganham novo retrato nas telas da TV, com a estreia de Verdades Secretas, na segunda-feira (08.06), nova novela das 23h da Globo que vai explorar o submundo da indústria da moda.

+ LINHA DO TEMPO: 18 MODAS SAÍDAS DAS NOVELAS

E se tem uma coisa que as novelas adoram abordar, é o fashionismo da cena brasileira. Eventos como SPFW já serviram de cenário para várias tramas que criaram sua versão da moda. Modelos também são personagens fáceis - e a dura rotina para conseguir reconhecimento é o tópico favorito dos autores, além da participação de fashionistas reais. E não é de hoje: Plumas e Paetês, um dos primeiros sucessos da era moderna das novelas, já tratava desse mundinho.

+ VEJA UM PREVIEW DE VERDADES SECRETAS

Na onda da nova novela das 23h, relembramos outros títulos que exploraram o universo fashion:

2013 - SANGUE BOM

Sophie Charlotte representa o time das blogueiras com direito a look do dia, programa de TV e muita publicidade. Amora Campana foi sucesso de público, mesmo com caráter duvidoso. As roupas usadas pela personagem eram assinadas por estilistas como Reinaldo Lourenço, Animale e Mabel Magalhães.

Um dos pontos mais marcantes era o closet de sapatos de Amora, mostrados pela própria Sophie nessa reportagem: 

 

2011 - FINA ESTAMPA

A moda é representada pela jornalista Marcela Coutinho, interpretada por Suzana Pires. Com visual fashionista, Marcela acaba morrendo depois de fazer chantagem com a personagem principal, Tereza Cristina (Christiane Torloni). Suzana precisou mudar o visual drasticamente, como corte de cabelo e lentes de contato, para viver a personagem. 

 

2011 - INSENSATO CORAÇÃO

Bruna Linzmeyer é Leila Machado, uma jovem predestinada a estudar economia que segue um sonho de ser estilista. Leila passa um período estudando fora do país e volta determinada a seguir a carreira na moda. O desfile armado para a novela contou com a participação de fahionistas, de Lilian Pacce e Erika Palomino a Mariana Weickert e Patricia Viera.

 

2010 - TI-TI-TI

O remake do clássico dos anos 1980 traz os divertidos personagens Jacques Leclair e Victor Valentim, que passam toda a trama disputando quem mais se destaca no mundo da moda. Ambos nasceram em família pobre e usaram o fashionismo para tentar conseguir uma vida melhor. Na segunda encarnação, os personagens foram vividos por Alexandre Borges e Murilo Benício. 

 

2009 - VIVER A VIDA

Taís Araújo representa a classe das top models como Helena, personagem principal da trama. A modelo tem fama internacional e está no auge da carreira aos 30 anos. De volta a Búzios, sua cidade Natal, Helena se vê entre a carreira e o grande amor. 

 

2005 - BELÍSSIMA

A moda íntima foi assunto principal na trama, que conta com Gloria Pires no papel de diretora da Belíssima - referência mundial em lingerie. Gloria é Julia, a herdeira da empresa fundada por sua mãe, uma ex-modelo consagrada nos anos 1960 - com perfil totalmente diferente da filha. A novela lançou Letícia Birkheuer como atriz - ela interpretava a filha modelo de Julia.

Quem também se destacava à frente dos negócios da família na moda era Fernanda Montenegro no papel de Bia Falcão, a empresária exigente que termina a novela nos braços de Cauã Reymond. 

 

2003 - CELEBRIDADE

Malu Mader relembra seus tempos de Top Model e vive novamente uma supermodelo, mas que dessa vez se tornou empresária dona de uma produtora. A inveja de Laura, interpretada por Claudia Abreu, faz com que a vida de Maria Clara Diniz vire um pesadelo quando a vilã faz de tudo para tomar seu lugar. 

 

2002 - DESEJOS DE MULHER

Regina Duarte é a estilista Andréa Vargas, que tem uma grife homônima. Bem-sucedida, Andréa vê o casamento de 20 anos desmoronar quando descobre o affair do marido com seu braço direito no ateliê. Além da marca central da história, a novela retrata o mercado da moda com a revista Estilo Mulher e a agência de modelos Classy - onde Mel Lisboa é uma das new faces desesperadas pela profissão. 

 

2001 - UM ANJO CAIU DO CÉU

Christiane Torloni é a estilista Laila, que vive uma vida fútil e quer a todo custo que a filha se torne modelo. Outro personagem de destaque no núcleo da moda é o de Cassiano Gabus Mendes, que interpreta um costureiro afetado que na verdade é uma farsa. 

 

1998 - TORRE DE BABEL

O polêmico casal gay Leila e Rafaela representavam a moda na novela. Christiane Torloni e Silvia Pfeifer eram as responsáveis por interpretar o casal de estilistas que abrem uma loja no shopping popular Torpical Tower. A relação amorosa das duas se estendia como parceria de trabalho e as cenas entre elas deixaram muitos conservadores incomodados, fazendo com que ambas morressem na explosão do shopping. 

 

1993 - SEX APPEAL

O título da minissérie era tabém o nome da agência de modelos da trama, que promovia concursos para encontrar novos talentos para a carreira de top model. Danielle Winits, Camila Pitanga e Luana Piovani estavam entre as aspirantes a modelos da Sex Appeal.

 

 

1989 - TOP MODEL

Um dos maiores sucessos da TV Globo, a novela mostrava de perto a vida das modelos e tinha como protagonista Malu Mader no papel da supermodelo Maria Eduarda Pinheiro, mais conhecida como Duda. 

 

1988 - VALE TUDO

Uma das primeiras personagens de moda da TV, Lídia Brondi vive uma produtora da revista Tomorrow e vira alvo da vilã Maria de Fátima. O que mais destacou o estilo da personagem foi a franja reta usada pela atriz.

 

1985 - TI TI TI

Primeira versão da novela que conta a rivalidade entre Ariclenes Almeida e André Spina - que se agrava quando Ariclenes decide se introduzir no mercado de moda onde o rival André é um costureiro conhecido como Jacques Leclair. A dupla foi interpretada por Reginaldo Farias e Luiz Gustavo. 

 

1980 - PLUMAS E PAETÊS

A novela retratava a dura realidade das modelos para se consagrar no mercado de moda através das personagens Lídia (Sura Berditchevsky), Amanda (Maria Cláudia), Dorinha (Mila Moreira) e Veroca (Lúcia Alves). 

Enviar por E-mail

Deixe seu comentário

Enviar por E-mail

Verdades Secretas, nova novela da Globo sobre o mundo da moda, estreia em junho; veja um preview

Programa certo para fashionistas e afins na segunda-feira (08.06): a estreia de Verdades Secretas, nova novela das 23h da Globo.

Escrita por Walcyr Carrasco, a novela se passa em São Paulo - mais especificamente no mundinho da moda da cidade. Tanto que a gravação passou até pelo último SPFW, aproveitando o cenário dos desfiles.

Atores e produção passaram pelo evento, registrando os bastidores e a primeira fila. Além dos personagens típicos, como Alessandra Ambrosio e Carol Trentini, e colocando os fictícios na passarela, incluindo Reynaldo Giannechini, Yasmin Brunet e a "new face" Camila Queiroz.

É Camila a mocinha da trama: modelo nova que chega a São Paulo acompanhada pela mãe, interpretada por Drica Moraes, para tentar a vida de modelo. A reviravolta da história começa logo quando a menina cai em uma rede de prostituição de luxo em uma agência tocada por Marieta Severo.

Daí vem os outros personagens mostrando o submundo da moda - o booker inescrupuloso, o empresário de moda manipulador, o modelo fracassado...

Graça extra: Verdades Secretas tem consultoria de Dudu Bertholini. O estilista tem vivido ao lado da produção nos últimos meses, cirenoenando o elenco dentro do casting da moda e ajudando o diretor Mauro Mendonça Filho a deixar figurinos, personagens e situações de uma forma mais realista.

Veja o primeiro trailer:

 

 

Enviar por E-mail

Deixe seu comentário

Enviar por E-mail

LINHA DO TEMPO: relembre o estilo das repórteres e jornalistas na ficção

Com a correria e esforço para manter as pessoas informadas, nada mais justo que os jornalistas tenham um dia em sua homenagem. A data é celebrada em 7 de abril e não é só ela que marca a importância da profissão, mas também como o jornalista é visto pelo olhar dos produtores de filmes e novelas.

Ao longo dos anos, os repórteres foram retratados em diversas produções que variam os mais diferentes estilos para cada um deles. Os homens ainda são maioria na ficção - mas como nosso negócio é moda, reunimos algumas das repórteres mais simpáticas da TV e cinema com um pouco de seu estilo:


Enviar por E-mail

Deixe seu comentário

Enviar por E-mail

As modas lançadas por Giovanna Antonelli nas novelas

Uma das maiores vitrines de tendências no Brasil, as novelas continuam seu legado de influenciar pessoas com o figurino de suas personagens. E se tem uma atriz que sentiu o gosto de lançar várias modas, foi Giovanna Antonelli. Ela é sucesso absoluto a cada aparição em uma trama, seja como garota de programa ou como uma mulher islâmica.

+ LINHA DO TEMPO COM AS PRINCIPAIS MODAS DE NOVELAS DE TODOS OS TEMPOS

No dia 18 de março, Giovanna completa 39 anos de idade e 24 de carreira. Para homenageá-la, reunimos as principais modinhas lançadas por ela nas telas.

CAPITÚ (2000)

O primeiro grande papel na TV foi em Laços de Família: Giovanna viveu a garota de programa que recebeu o nome da personagem do clássico Dom Casmurro, de Machado de Assis. Com visual simples, Capitu marcou as telas com longos cabelos cacheados e acessórios - os brincos de argola eram obrigatórios no visual da personagem.

JADE RACHID (2001)

No ano seguinte, Giovanna confirmou que seria a atriz da vez. Em O Clone, Jade era um combo de modas que se espalhou pelas ruas durante muito tempo. A mulçumana vivida por ela ostentava joias como braceletes, brincos poderosos e o item mais forte: o anel de corrente. Além disso, o jeito de usar o delineador virou hit e os lenços nos cabelos foram outro ponto de destaque no figurino de Jade.

ANITA GARIBALDI (2003)

Os fios longos e lisos da heroína de A Casa das Sete Mulheres foi o sucesso da vez. O público estava acostumado com os cabelos cacheados e com o visual forte que Jade deixou, mas Giovanna se mostrou versátil e criou uma imagem para Anita que caiu no gosto do público - e da crítica.

BÁRBARA CAMPOS SODRÉ (2004)

Cabelos mais uma vez foram o assunto em Da Cor do Pecado. A vilã Bárbara liderava a lista dos mais pedidos da Globo com um corte pixie estilizado. O visual contava com franja e a parte de trás repicada, em tom de loiro médio com mechas. Até no papel de odiada pelo público, o visual da atriz fez sucesso.

CLARICE FLORENTINO FERRAZ (2007)

Em Sete Pecados, o foco se virou para as unhas de Giovanna (que anos depois lançou sua própria linha de esmaltes). Clarice inovou a convencional francesinha feita com esmaltes de tons claros para fazer o estilo com o vermelho vibrante e pontas brancas. O visual era usado não só nas mãos, mas também nos pés e se tornaram o mais procurado nos salões.

ALMA JEQUITIBÁ DE MATOS (2008)

Em Três Irmãs, Giovanna contracenava com Cláudia Abreu e Carolina Dieckmann. Apesar de ser a irmã menos sofisticada do trio, Alma foi a que mais fez sucesso com estilo simples e discreto, cheio de vestidos de malha e tops com saia longa. As roupas eram sempre procuradas na central de atendimento da Globo e além delas, o cabelo (desta vez pintado de preto) também entrou na lista de favoritos.

HELOÍSA (HELÔ) (2012)

Com visual perua chic, a delegada de Salve Jorge teve o sucesso equivalente ao de Jade. Helô fez o público se encantar pelas camisas de seda estampadas e principalmente pelos acessórios. O bracelete inspirado em São Jorge foi sucesso absoluto e fez sucesso nas ruas de comércio popular (como na 25 de Março).

CLARA (2014)

Seu último sucesso de público foi na trama Em Família, em que viveu sua primeira personagem homossexual. Clara apostava nos bodies usados com roupas casuais, como jeans. A peça virou marca registrada na tela.
 

Enviar por E-mail

Deixe seu comentário

Enviar por E-mail

»Notícias Anteriores